O que é saúde mental? Orientações para manter o equilíbrio profissional e pessoal

No Comments

Você sabe o que é saúde mental? Esse se transformou em um dos principais assuntos durante a pandemia.

Dentro do ambiente de trabalho, a conscientização sobre saúde mental, é muito mais do que uma boa ação ética, mas sim uma estratégia para a gestão de talentos.

Entendendo melhor sobre o conceito, como ele impacta no desempenho dos funcionários e estratégias para superar possíveis problemas, a produtividade na empresa cresce exponencialmente.

Para se antenar sobre tudo isso e ainda ler as dicas de especialistas em psicologia, continue a leitura.

O que é saúde mental?

Os problemas psicológicos correspondem a segunda maior causa de abstenção no trabalho, mas mesmo assim ainda existe muita desinformação quanto ao assunto.

A verdade é que a maioria dos gestores se quer conhece o que é saúde mental.

E em um mercado cada vez mais competitivo, onde o diferencial estratégico nas empresas mais bem sucedidas do mercado é a gestão dos talentos humanos, cultivar a saúde mental é uma necessidade.

Saúde mental e trabalho estão diretamente atrelados.

Em julho de 2019, a revista Veja publicou uma reportagem com diversos dados reveladores sobre as doenças mentais no nosso país, incluindo a informação que o Brasil é o campeão no incômodo ranking de pessoas ansiosas ao redor de todo o mundo.  Mais de 86% dos brasileiros registram sintomas de algum transtorno mental.

A pressão e expectativas por resultados são as principais causas desses problemas.

A plataforma on-line Virttude traz essa realidade em números ainda mais alarmantes. Em pesquisa virtual, foi apontado que 37% das pessoas estão com stress extremamente severo, enquanto 59% se encontram em estado igualmente grave de depressão.

A ansiedade extremamente severa, comumente associada ao cotidiano rápido e cheio de mudanças, atinge 63% das pessoas.

Todo esse cenário assustador nos coloca de frente para a importância de discutir o que é saúde mental.

A saúde mental pode ser definida como um estado de bem-estar, onde o indivíduo consegue organizar as suas obrigações, administrar as próprias emoções e se satisfazer em todos os âmbitos. Tanto profissional, quanto pessoal.

Vale ressaltar, que uma boa saúde mental não significa estar imune a sentimentos negativos como a raiva, frustração ou tristeza, mas sim conseguir administrá-los corretamente.

Essa administração das questões emocionais acaba impactando em toda a vida do indivíduo, incluindo o modo como ele enxerga as situações, toma decisões e lida com as consequências.

A saúde mental no trabalho

Segundo a international Stress Management Association, mais de 20% dos funcionários ativos do mercado estão trabalhando sob forte pressão emocional. 32% dos trabalhadores brasileiros sofrem com efeitos de stress.

Com tanto impacto no local de trabalho, a saúde mental deve ser uma das preocupações da gestão da empresa.

O debate sobre a saúde mental no trabalho ainda é limitado. Muitos funcionários se sentem intimidados em se abrir sobre as consequências de problemas mentais no seu desempenho no trabalho, acumulando os sintomas que assolam o trabalhador brasileiro.

Falas como “é frescura”, “vitimismo”, “falta do que fazer” são comuns quando o assunto é saúde mental e trabalho.

O resultado disso é o pior possível. Em casos extremos até mesmo a síndrome de Burnout pode ser desenvolvida, doença que acarreta depressões profundas.

Além de ser um assunto essencialmente ético e moral, a saúde mental no trabalho acaba exercendo um papel fundamental na produtividade de toda organização.

O funcionário quando está equilibrado psicologicamente rende mais na sua função, produzindo melhor em todo o seu cotidiano de trabalho. Não à toa, as empresas mais bem sucedidas do mercado investem no desenvolvimento dos seus profissionais, construindo um ambiente fértil para o desenvolvimento de cada função.

A saúde mental no trabalho se tornou um desafio para todos os profissionais e possibilidade de diferenciação nas gestões. Em tempos onde a tecnologia assume o papel de muitos empregos, mais do que nunca é necessário o aproveitamento máximo das competências técnicas do ser humano, e para isso um psicológico bem equilibrado é fundamental.

Não se esqueça, investir na sua saúde mental é investir em você, no seu desenvolvimento profissional e pessoal.

Para quem é responsável por equipes de funcionários, independente do segmento, o cultivo ao aperfeiçoamento das competências emocionais é estratégico e garante ótimos resultados.

Hábitos para melhorar a sua qualidade de vida

Alguns bons hábitos podem melhorar a saúde mental e trabalho no desenvolvimento emocional, confira os principais:

1 – Alimente-se com comidas saudáveis

Uma alimentação saudável é o principal pilar de uma boa qualidade de vida, sendo a responsável por garantir todos os nutrientes que são necessários para o coreto funcionamento do seu corpo.

alimentação saudável

A alimentação baseada em alimentos altamente gordurosos, especialmente os fast-food, trazem vários malefícios para o organismo que acarretam problemas graves de autoestima e na regulação hormonal.

A obesidade por exemplo, é um dos principais fatores que podem levar uma pessoa até a depressão.

Na saúde mental e trabalho, a OMS (Organização Mundial da Saúde) aponta que refeições de qualidade e em ambientes limpos podem aumentar em até 20% a produtividade dos funcionários.

Começar o desenvolvimento emocional a partir do corpo é uma decisão inteligente, e isso passa diretamente por uma alimentação saudável.

2 – Procure ferramentas de expressão

O acúmulo de sentimentos negativos é extremamente prejudicial para a saúde humana. Algumas correntes de pensamento, defendem que doenças como o câncer estão diretamente associadas a falta de ferramentas para a expressão dos sentimentos.

ferramenta de expressão

Dentro da psicologia, o conceito de arte terapia é um dos mais aplicados. Essa prática é totalmente humanizada, utilizando a arte como o um instrumento de intervenção voltado ao enfrentamento e diminuição do sofrimento psíquico, incluindo a socialização do indivíduo com o meio.

A antropóloga francesa Michèle Petit, defende a literatura como maneira de se curar feridas passadas, onde ou o trauma é exposto através do papel e caneta, ou a ferida não se cicatriza completamente.

Pensando na música por exemplo, não são poucos os casos de indivíduos que encontraram uma identidade através dos mais diversos gêneros musicais. E essa identificação não se restringe aos artistas, mas também a cada pessoa que enxerga o mundo com outras perspectivas através da música.

3 – Cultive relacionamentos saudáveis

“Você é a média das 5 pessoas com que mais convive.” Você provavelmente já leu essa citação em alguma página digital.

A frase de Jim Rohn, homem que começou no almoxarifado da Sears e hoje é um famoso palestrante , traz uma lição importante mesmo que de exageradamente.

Não é necessário se desligar de pessoas que não possuem os mesmos objetivos que você para encontrar sucesso na vida profissional, afinal, isso geraria uma série de sequelas emocionais e psicológicas que ao contrário de melhorar a saúde mental, só aumentariam os seus problemas.

Porém, a verdadeira lição dessa frase se encontra em cultivar relacionamentos que sejam saudáveis, formados por pessoas que de fato estejam com boas intenções e desejem agregar na sua vida.

relacionamento saudável

Você provavelmente já conviveu com pessoas que diziam estar ao seu lado em qualquer situação, mas bastava alguma discordância que todo o comportamento mudava radicalmente. O uso de ironias, sarcasmos, intimidações e insinuações, normalmente com o objetivo de agredir a sua imagem perante as outras pessoas, são características dos passivo-agressivos.

Esse traço presente na personalidade de muitas pessoas é um dos maiores responsáveis pelo desenvolvimento de sintomas graves relacionados a saúde mental. Pessoas com esse tipo de comportamento estão longe de agregarem a você, e como significa a frase de Jim Rohn, é fundamental estar perto de pessoas que te façam bem

Evite relacionamento tóxicos de todos os tipos, desde colegas de trabalho, até na vida amorosa. Lembre-se sempre; a sua saúde mental é prioridade.

4 – Pratique exercícios físicos

A prática de exercícios físicos é fundamental para uma vida saudável. Conforme indicado por estudo publicado no NCBI (National Center for Biotechnology Information), o exercício físico é importante pois regula as partes do cérebro que geram estresse e ansiedade.

Além disso, a gratificação pelo êxito na prática de esportes libera serotonina, o hormônio da felicidade.

prática de exercício físico

Ainda sobre saúde mental no trabalho, a adesão de programas de educação física dentro das empresas tem se tornado uma prática comum e de sucesso.

Com a implementação de treinos coletivos, cursos de educação alimentar e gincanas com o objetivo de melhorar a saúde, muitas empresas estão construindo vínculos mais fortes com os seus funcionários e reforçando valores institucionais.

5 – Tire um tempo para você

Na agilidade da rotina moderna, muitas vezes esquecemos de tirar um tempo para nós mesmos. Porém, são nesses períodos de reflexão que surgem algumas das nossas melhores ideias.

O chamado ócio criativo, descrito pelo professor Domenico de Masi é um bom exemplo de estratégia para melhorar a saúde mental no trabalho

Ao contrário do que muitos pensam, o ócio criativo não consiste em preguiça ou simplesmente “não fazer nada”. Os fundamentos desse conceito se baseiam em trabalhar para criar riqueza e ao mesmo tempo aprender coisas, por tanto estudar para criar conhecimentos e ao mesmo tempo divertir-se.

ócio criativo

A aplicação do ócio criativo é fundamental na saúde mental no trabalho criativo, especialmente em empresas que trabalham com conteúdo intelectual.

Esse tipo de trabalho que não se resume ao esforço físico é uma característica da nossa sociedade pós-industrial, portanto, cada vez mais aplicável no mercado. Onde trabalhos chatos e repetitivos são destinados as máquinas.

Já para quem ainda lida com o trabalho braçal, esses momentos de introspecção ou reflexão coletiva devem estar presentes durante o descanso.

O desejo por uma produtividade quase que perfeita, onde cada minuto do dia é aproveitado ao máximo, acaba excluindo esses momentos importantes.

Por isso, ao desenhar um planejamento diário não se esqueça da importância de ter um momento para você, seja através do ócio criativo dentro do trabalho ou atividades como a meditação no tempo vago.

6 – Se for necessário, procure ajuda profissional

Sempre vale ressaltar: alguns problemas de saúde mental não podem ser curados apenas por algumas mudanças de hábito. Muitas vezes o problema é químico, e nesses casos a consulta de um especialista é indispensável.

Um psicólogo é capaz de analisar sua saúde mental de forma profissional, entendendo cada um dos problemas com os quais você está batalhando, compreendendo as suas causas e direcionando você até a recuperação.

Em casos mais complexos, o direcionamento a um psiquiatra pode prover para você a medicação correta, regulando o seu corpo de forma química.

Não se esqueça, os problemas de saúde mental não são escolha ou muito menos frescura, mas sim doenças que devem ser tratadas da forma correta. Se necessário, com o acompanhamento de um profissional.

Durante o período de pandemia, o grupo Bem.Care está disponibilizando uma equipe de psicólogos para ajudar no enfrentamento aos efeitos mentais da doença.

Para entrar em contato é muito simples, basta preencher o seu número de celular no site direcionado e reivindicar a sua consulta.

Agora que você já sabe o que é saúde mental, sua relação com o ambiente de trabalho e alguns hábitos que podem te ajudar a atingir o equilíbrio emocional, compartilhe esse conteúdo com o maior número de pessoas.

Quanto mais pessoas souberem o que é saúde mental e os conceitos por traz dessa parte importante da nossa qualidade de vida, maior será o respeito quanto a essas questões. Ajude a quebrar esse verdadeiro tabu.

Leia mais sobre saúde mental no trabalho e desenvolvimento pessoal em:

7 dicas indispensáveis para manter a produtividade no Home-Ofice

As boas notícias que não te contaram sobre o coronavírus

Obrigado pela leitura e até a próxima.

Time de profissionais com formações em Publicidade, Marketing, Tecnologia entre outras, totalmente qualificados para criação de conteúdo digital nos mais diversos segmentos.

Sobre nós e este blog

Somos uma empresa de marketing digital full service com foco em ajudar nossos clientes a obter ótimos resultados em várias áreas-chave.

Analise Gratuita

Oferecemos serviços profissionais de SEO que ajudam os sites a aumentar drasticamente sua pontuação de pesquisa orgânica, campanhas em mídias pagas e em conversões a fim de competir pelos rankings mais altos e os melhores resultados no meio digital, mesmo quando se trata de segmentos altamente competitivos.

Subscribe to our newsletter!

Mais do nosso blog

Ver todas as postagens